conecte-se conosco


POLICIAL

Ocorrência de violência doméstica resulta na apreensão de drogas, arma e munições em Campo Novo do Parecis

Redação

Publicados

em


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Em uma ação integrada, a Polícia Civil e Polícia Militar de Campo Novo do Parecis apreenderam grande quantidade de drogas, além de armas, munições e dinheiro, na segunda-feira (14.09), durante atendimento de uma ocorrência de violência doméstica no município.

A ação iniciou após a equipe da Delegacia de Campo Novo dos Parecis receber denúncia anônima de que uma mulher estava sofrendo agressões físicas e ainda havia suspeitas que o suspeito estava em posse de uma arma de fogo.

Diante das informações, os investigadores solicitaram apoio da Polícia Militar para atendimento da ocorrência. Durante a abordagem policial, o suspeito tentou fugir da residência, momento em que os policiais entraram no local.

No interior da casa, as equipes encontraram a vítima com vários hematomas e diversas porções de entorpecentes espalhadas pela sala. O suspeito quebrou o próprio aparelho celular com objetivo de não ter sua participação descoberta em outros crimes.

No local, foram apreendidos três tabletes grandes e duas porções médias e três pequenas de maconha, duas porções médias de pasta base, um revólver calibre 38 e 15 munições do mesmo calibre, cinco munições calibre 32 e R$ 2.755 em dinheiro.

Leia Também:  PM prende motorista sem habilitação com motor adulterado e com maconha

Questionado, o suspeito admitiu ser o dono dos entorpecentes e disse ser integrante de uma facção criminosa, na qual atua na função de “disciplina”, pessoa responsável por aplicar castigo em quem descumpre as determinações do grupo criminoso.

Diante dos fatos, todo o material ilícito encontrado na casa foi apreendido (incluindo o aparelho celular quebrado) e o suspeito encaminhado a Delegacia de Campo Novo do Parecis, onde após ser interrogado foi lavrado o flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, posse ilegal de arma de fogo e munições, associação criminosa e violência doméstica.

 

 

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

POLICIAL

Motorista de carreta é preso embriagado em rodovia estadual no interior

Redação

Publicados

em

Por


.

Policiais militares prenderam um homem de 58 anos por embriaguez ao volante, na MT-242. Ele conduzia uma carreta bi-caçamba no sentido Nova Ubiratã-Sorriso (a 502 km de Cuiabá). O fato foi registrado na tarde de sábado (19.09), quando o motorista quase provocou um acidente.

A Polícia Militar foi acionada por populares que estavam próximos a uma empresa algodoeira e, não só assistiram as cenas do acidente, como correram riscos. O caminhoneiro estava tentando retornar à pista para seguir viagem, dirigindo, mesmo em visível estado de embriaguez, quando um grupo de pessoas tomou a chave da carreta e o impediu de deixar o local até a chegada dos policiais.

De acordo com a narrativa da equipe da PM, o condutor estava tão embriagado que caminhava de maneira desequilibrada, exalava forte odor de álcool, tinha a fala desconecta e os olhos avermelhados. Também admitiu que havia consumido bebida alcóolica.

Os policiais fizeram o auto de constatação de embriaguez, como prevê a legislação (artigo 277 do Código de Trânsito) e o conduziram para a Delegacia de Polícia de Sorriso. Antes, apreenderam a carteira de habilitação dele, informaram a concessionária da rodovia para a retirada do veículo do local e a empresa transportadora para qual ele prestava serviço.

Leia Também:  Adolescentes são pegos em festa com consumo de droga e álcool na capital

Implicações

Somente a multa por dirigir embriagado é de R$ 2.934,70, de acordo do artigo 165, do Código Brasileiro de Trânsito. Além de ficar sem habilitação por no mínimo um ano, o condutor ainda tem que pagar fiança (de 1 a 100 salários mínimos) para responder a ação criminal em liberdade.

A Polícia Militar, Detran, Secretaria de Saúde e outros órgãos públicos e entidades estão em campanha de conscientização e fiscalização contra acidentes de trânsito. 

Fonte: PM MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

LEGISLATIVO

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA MT

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA NACIONAL

MAIS LIDAS DA SEMANA