conecte-se conosco


MATO GROSSO

Terça-Feira (15): Mato Grosso registra 108.117 casos e 3.172 óbitos por Covid-19

Redação

Publicados

em


.

Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta terça-feira (15.09), 108.117 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 3.172 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 1.222 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 106.619 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 15.297 estão em isolamento domiciliar e 88.853 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, 263 internações em UTIs públicas e 261 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 63% para UTIs adulto e em 29% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19, estão: Cuiabá (21.429), Várzea Grande (8.054), Rondonópolis (7.568), Lucas do Rio Verde (5.139), Sorriso (4.767), Tangará da Serra (4.488), Sinop (4.380), Primavera do Leste (3.457), Campo Novo do Parecis (2.437) e Nova Mutum (2.147).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Leia Também:  Opção pelo Simples Nacional deve ser efetuada até o dia 29 de janeiro

O documento ainda aponta que um total de 87.535 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 625 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na última segunda-feira (14), o Governo Federal confirmou o total de 4.345.610 casos da Covid-19 no Brasil e 132.006 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 131.625 óbitos e 4.330.455 casos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados de terça-feira (15).

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

Leia Também:  Servidor em licença pode trabalhar na iniciativa privada, mas não pode assumir outro cargo público

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
– Evitar contato próximo com pessoas doentes;
– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Governo de MT firma cooperação para facilitar parcerias comerciais com a China

Redação

Publicados

em

Por


O Governo de Mato Grosso firmou nesta quarta-feira (20.01) o marco de cooperação com o Instituto Sociocultural Brasil-China (Ibrachina) com o objetivo de facilitar parcerias para promoção comercial, atração de investimentos e fomento de iniciativas para o desenvolvimento econômico, educação, cultura e ciência e tecnologia entre o Estado e a China.

O governador Mauro Mendes assinou o protocolo de intenções com o instituto, destacando que o país asiático é o principal mercado para os produtos mato-grossenses, principalmente, diante do crescimento econômico da China.

“A China é o principal parceiro comercial de Mato Grosso nos últimos onze anos e justamente por isso, essas relações institucionais são tão importantes. Temos grande capacidade de continuar crescendo, principalmente, no setor da produção de alimentos, que pode ser dobrada nos próximos anos, e vejo na China a maior oportunidade que Mato Grosso tem de ampliar suas exportações e de gerar emprego e renda”, afirmou Mauro Mendes.

O diretor-presidente do Ibrachina, Thomas Law, participou da solenidade por videoconferência e afirmou que o país tem grande interesse em estreitar as relações econômicas, educacionais e culturais e que a intenção do instituto é aprimorar essas iniciativas junto ao Governo de Mato Grosso.

Leia Também:  Consórcio Intermunicipal Vale do Arinos é reativado

“Posso garantir que nos empenharemos ao máximo para fazer o melhor possível para criar esse programa de valorização com a China, para que Mato Grosso torne-se uma referência para os países asiáticos”, asseverou Thomas Law.

Além do governador e do representante do instituto, também assinaram o protocolo o secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Cesar Miranda, e deputados estaduais.

“É mais um passo na política internacional desenvolvida pelo Governo de Mato Grosso, pois agora temos um importante parceiro, que vai nos aproximar culturalmente e comercialmente da China, trazendo ainda mais investimentos e melhorando a economia do Estado”, destacou Cesar Miranda.

Participaram da solenidade os secretários de Estado Alberto Machado (Cultura, Esporte e Lazer), Alan Porto (Educação), Nilton Borgato (Ciência, Tecnologia Inovação) e Walter Valverde (adjunto de Investimentos e Negócios da Sedec). Além do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil em Mato Grosso, Leonardo Campos, e outros representantes do Ibrachina, da OAB e da Assembleia Legislativa.

Protocolo de intenções

O Ibrachina tem como foco a promoção e integração entre a cultura jurídica brasileira e chinesa por meio da tradução e divulgação de documentos, possuindo grande expertise nas relações jurídicas e de comércio exterior com a China. O Instituto promove palestras, debates e workshops promovendo o intercâmbio de conhecimento e cultura, bem como estabelecendo oportunidades de firmamento de parcerias. O Ibrachina integra a Frente Parlamentar Brasil China e a Frente Parlamentar BRICS nacional e possui parcerias com várias universidades, institutos e entidades brasileiras.

Leia Também:  Primeira-dama atende bazar comunitário do Renascer com doação de mais de 200 peças

A expertise jurídica e comercial do Instituto Sociocultural Brasil-China irá auxiliar o Estado de Mato Grosso no seu posicionamento firme no mercado chinês, apoiando as empresas mato-grossenses de forma consultiva na inserção ou consolidação em tal mercado igualmente pode ser útil para promover aproximações e parcerias nas áreas de educação, turismo, cultura, educação e tecnologia entre outras.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

CIDADES2 horas atrás

Prefeito Alex acompanha primeiras vacinações contra covid-19 em Rosário Oeste

Técnica de Enfermagem Perolina Stoffel foi a primeira a ser vacinada em Rosário Oeste

CIDADES9 horas atrás

ALTO PARAGUAI: MPMT cobra realização de inspeção para coibir venda ilegal de carne

O Ministério Público do Estado de Mato Grosso notificou a Secretaria Municipal de Saúde de Alto Paraguai, município distante 199...

CIDADES9 horas atrás

PM registra roubo de gado em área rural de Nova Olimpia MT

A policia militar foi informada que nesta segunda-feira (18) por volta das 17 horas, oito indivíduos armados invadiram a fazenda...

CIDADES19 horas atrás

ROSÁRIO: Homem procurado, com mandado de prisão preventiva reage a abordagem policial e é baleado.

Mesmo atingido na região do abdômen, o foragido ainda conseguiu correr com um revólver na mão, mas caiu no corredor...

CIDADES24 horas atrás

Enfermeira fala sobre as vacinas contra o covid que virão para Rosário Oeste

A Enfermeira Jerusa Amaral, responsável pelo Centro de Covid de Rosário Oeste foi entrevistada pelo Radialista João de Deus na...

CIDADES1 dia atrás

NOBRES: Médico de 49 anos tem alta após quatro meses internado com Covid-19

Esmeraldo é médico em Nobres, a 151 km de Cuiabá, e trabalhava na linha de frente contra o coronavírus quando...

CIDADES1 dia atrás

Homem morto em Diamantino já havia sido preso antes em Lucas do Rio Verde

Homem havia sido preso em Lucas do Rio Verde em dezembro do ano passado

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA MT

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA